Estudantes da ETEPAM utilizam Robôs Lego no Mais Robótica, e estes ainda vão criar o seu próprio robô

“A experiência de mexer com robôs da LEGO está sendo bastante surpreendente e inovadora, porque mesmo que eu esteja cursando uma área tecnológica como Manutenção e Suporte de Informática, me deparei com um universo bastante vasto e cheio de conhecimentos”

26 de outubro de 2017
• Escrito por

O Mais Robótica é um projeto que tem como objetivo desenvolver a lógica e o conceito de Robótica.
Este ano o projeto Mais Robótica, aqui na ETEPAM, selecionou 16 estudantes para aprender mais sobre a robótica e como montar o seu próprio robô, isso tudo em apenas 3 meses.

Os materiais usados no projeto são peças lego, que consiste em um kit de robôs programáveis voltados para a educação tecnológica.

Entrevistamos Josheph Stalin de 17 anos, estudante de Manutenção e Suporte de Informática na ETEPAM e participante do projeto Mais Robótica, ele falou um pouco sobre como é mexer com robôs e o que ele espera do curso.

“A experiência de mexer com robôs da LEGO está sendo bastante surpreendente e inovadora, porque mesmo que eu esteja cursando uma área tecnológica como Manutenção e Suporte de Informática, me deparei com um universo bastante vasto e cheio de conhecimentos, espero obter conhecimento em outras áreas”, conta Stalin.

O estudante participou de outro projeto, o Mais Tec Design, e neste projeto ele apresentou um workshop.
Ele disse que o professor Adailton Oliveira do mais Robótica ensina muito bem e que por esse motivo, Stalin “tiraria o chapéu” para ele.

Os estudantes que estiverem se dando muito bem nesse projeto podem criar equipes e competir em campeonatos de robótica.

Alguns estudantes desse projeto disseram que algumas semanas após o início das aulas eles já conseguem desenvolver robôs sem que seja necessário orientação.

Por tudo que já foi ensinado durante o Mais Robótica, esperamos que os estudantes que tiveram a oportunidade de participar desse projeto aproveitem, aprendam e utilizem dos conhecimentos adquiridos no mesmo, e que estes levem esse aprendizado não apenas para a sua vida pessoal como também para a sua vida profissional.